Edições

Pesquisar
Close this search box.

O MEB “sessentão”: tecnologias e educação popular a serviço da esperança

Carlos Lopes

RESUMO

O MEB completa 60 anos em 2021. Ano do centenário de Paulo Freire. Esse artigo apresenta breve apontamento sobre as escolas radiofônicas e pontua aspectos sobre a experiência de uso dos recursos e linguagens das tecnologias das informação e comunicação na formação de educadores(as) populares, em evento sob o título “Cartas para Paulo Freire: da leitura do mundo à leitura da palavra”, promovido pelo MEB e universidades, no contexto da Covid-19. A pedagogia do inédito viável (FREIRE, 1992) vai se construindo e mostrando possibilidades em projetos de educação popular. O MEB “sessentão” pode resgatar da sua trajetória o idealismo engajado e aventura que fez brotar as escolas radiofônicas.

Palavras-chave: MEB. Paulo Freire. Cartas. Tecnologias. Educação Popular.

Contato

Movimento de Educação de Base – MEB
SCS Quadra 03 Bloco A Nº 79
Brasília–DF CEP: 70303-000

Redes sociais

Projeto Visual e Desenvolvimento: Lavínia Design